Crie o Hábito de Meditar e Transforme sua Vida!

Primeiro Compromisso: Seja impecável com sua palavra

Nesse post, vamos falar sobre o Primeiro Compromisso: Seja Impecável com sua palavra, disposto no livro “Os Quatro Compromissos: O livro da Filosofia Tolteca”.

Esse guia da liberdade pessoal de Don Miguel Ruiz surge a partir da comunidade mexicana tolteca, baseada em suas filosofias com profunda sabedoria espiritual, que exploravam as coisas e formada por cientistas e artistas.

Don Miguel, o escritor dessa obra incrível, nasceu e foi criado no México, vindo de uma família de curandeiros que teve sua obra como best-seller no New York Time por mais de sete anos.

Sendo assim, vamos começar a explorar isso para você aprender mais e conseguir alcançar resultados cada vez mais incríveis, reduzindo sofrimentos e proporcionando a elevação da mente/espírito.

Portanto, vamos dar o primeiro passo em direção a essa jornada!

Primeiro Compromisso: Seja impecável com sua palavra

seja impecável com sua palavra

Antes de mais nada, é interessante entender porque a palavra é o primeiro compromisso e também um dos mais difíceis para alcançar a liberdade pessoal.

Em síntese, é a palavra que traz o poder de criação para a sua vida.

Ou seja, é um dom único, que vem de Deus e amplamente falado na Bíblia.

Em Gênesis, a palavra começa com a seguinte citação: “No início havia o Verbo”.

Assim, é através das palavras que você consegue se expressar, ser criativo, se comunicar com outros e muito mais.

Entretanto, justamente por ser tão poderosa, a palavra tem dois lados, podendo ser fonte de criação e de coisas positivas, ou mesmo de destruição e daquilo que é negativo.

Neste primeiro capítulo, Don ressalta que a palavra consegue criar infernos quando é mal usada, como uma lâmina afiada, pode escravizar alguém e ser nociva.

Você deve ter em mente que a palavra é poderosa e evitar que seja uma arma de destruição.

É fácil entender isso quando observamos toda a história do mundo até agora.

Considere, por exemplo, todo o horror que existiu durante o Nazismo e como tudo isso começou: com a ideia de alguém que usava as palavras para converter, transformar e gerar crenças que condiziam com as próprias em toda uma nação.

E, porque é tão difícil ter cuidado com as palavras?

E você já disse algo e, menos de um minuto depois, se arrependeu, sabe que isso pode causar estragos irreversíveis.

Acontece porque, a partir do momento que a fala sai da sua boca, essa ação não pode ser desfeita.

Cabendo a você e ao que recebeu a mensagem, lidar com isso.

Muitas vezes, as palavras saem sem serem devidamente avaliadas, mesmo quando o intuito não é exatamente ruim, já que também cabe interpretação.

É difícil ter cuidado com as palavras porque elas possuem um poder que nem sempre é percebido, onde tudo pode ser manifestado dessa forma, como os seus sonhos e sentimentos.

O guia da liberdade pessoal destaca ainda que a palavra deve ser sem pecado contra você mesmo.

Portanto, tudo aquilo que você diz ou acredita e vai contra você é um pecado que não deveria ser cometido, incluindo os julgamentos e culpa, que também podem ser direcionados a terceiros.

Seja Impecável com sua palavra

Seguindo, vem a dúvida de como alcançar esse primeiro compromisso, algo bastante amplo e vai além das coisas mais simples.

Em suma, você precisa deixar de usar a palavra contra você mesmo, sendo impecável.

Isso significa também deixar de direcionar palavras negativas ou de julgamento para terceiros, pois isso volta para si.

Por exemplo, quando você vê alguém na rua e a xinga, inicialmente a palavra é ruim para ele.

Porém, aquele indivíduo pode acabar odiando e até fazendo o mesmo com você, ou seja, a palavra voltou para o remetente inicial.

Basicamente, é pensar na lei do retorno: aquilo que você “joga”, volta para você e, se você insultar alguém, aquele indivíduo também vai te insultar.

Uma maneira interessante de observar isso é considerando um ditado popular em algumas regiões do Brasil, de que a “cobra morreu com o próprio veneno ao morder a língua”.

Em suma, destilar veneno em outras palavras é um ato de morder a própria língua.

Assim, enquanto joga isso para outros, também está ingerindo o negativo.Já que existe uma ideia de que “tudo bem julgar” ou mesmo porque vem disfarçado de cuidado.

Principalmente por pessoal próximas.

Então, tenha atenção a essas palavras, aquelas que diz e as que recebe, para conseguir mudar e aderir ao Primeiro Compromisso desse guia.

Benefícios e mudança do Primeiro Compromisso

Seja Impecável com sua palavra, isso parece bem simples inicialmente, não é?

Entretanto, ao começar a praticar essa ideia, você vai acabar percebendo o quanto julga os outros e a si, mesmo sem perceber ou dar a devida importância.

Mas não é só isso, o Primeiro Compromisso é a quebra de uma crença para um novo compromisso, com foco na sua liberdade pessoal.

Para alcançar a premissa se ser impecável, considere os benefícios que isso pode trazer para a sua vida, como:

  • Liberdade;
  • Felicidade;
  • Leveza;
  • Transcendência;
  • Maior nível de existência.

Ao mesmo tempo, isso eleve a autoestima e autoconfiança, traz autoconhecimento e reduz diversos sofrimentos e cobranças.

Lembre-se que é muito fácil justificar a crueldade e ser cruel, ceder as fofocas e opiniões, criticar e buscar defeitos.

Dessa forma, a mudança começa com a observação desses pecados cometidos diariamente e em como eles afetam a sua saúde física, mental e emocional.

É possível mudar, mas não significa que será fácil. Já que você vai precisar quebrar uma série de crenças e comportamentos antigos.

Ao mesmo tempo, acreditar e dar os primeiros passos em direção a essa mudança traz benefícios incríveis e aproxima você do reino do céu.

Seja impecável com sua palavra para elevar os níveis de amor-próprio, melhorar todas as suas relações, facilitar o alcance de metas e muito mais.

Então, o que achou do compromisso de Seja Impecável com sua palavra? Já conhecia ou já está pensando em como aderir a sua vida?

Comenta aqui embaixo para compartilharmos mais e fique de olho nos próximos compromissos que estão por vir!