Silencie!

Nos dias de hoje somos expostos a muitos ruídos, é bastante raro encontrarmos um ambiente silencioso. Constantemente estamos ouvindo o som da televisão, rádio, transito, vozes, sirenes. Por mais estranho que seja, estudos comprovam que todos esses sons têm efeitos em nossa saúde mental e em nosso humor. Por isso, se faz necessário o silêncio de tempos em tempos. O cérebro necessita de pausas para o nosso bom funcionamento.

         Um estudo feito com ratos, publicado na revista Brain Structure and Function, mostrou o efeito do silêncio sobre o cérebro deles. Foi descoberto que quando os ratos foram expostos a duas horas de silêncio diário, foram desenvolvidas novas células numa região do cérebro associada à memória, emoção e aprendizagem.

         Um provérbio chinês diz “A palavra é prata, o silêncio é ouro”, e é bem por aí. Existe uma sabedoria enorme no silêncio, muitas vezes não há nenhuma palavra que possa falar mais que ele. É no silêncio que conseguimos nos ouvir, colocar as ideias e pensamentos em ordem, identificar vários sentimentos e emoções. É no silêncio que conseguimos nos conhecer mais profundamente.

         Como vivemos uma vida bastante atarefada, corrida e cheia de demandas, seja no trabalho ou em casa, esquecemos da paz, da leveza e do sossego que a ausência de som nos traz. Um filósofo americano chamado William James, escreveu, em um dos seus artigos, que é preciso exercitar o silêncio. Ele disse:“O exercício do silêncio é tão importante quanto a prática da palavra.”

         Não nos damos conta, mas evitamos constantemente ficar em silêncio. Buscamos o barulho inclusive quando temos a oportunidade de nos afastarmos dele. Deveríamos nos perguntar qual é o motivo de termos medo do silêncio. Nós nos sentimos sozinhos se não houver barulho? Uma boa resposta para isso é que temos medo de descobrir e identificar coisas em nós mesmos

         Já pararam para pensar que no barulho nós não nos ouvimos? E se não conseguimos nos ouvir, como teremos uma mente leve, lúcida e clara para tomar determinadas decisões em nossas vidas?

         A prática do silêncio, acompanhado da prática do mindfulness (atenção plena) é um convite para você se aprofundar numa experiência de auto investigação e apropriar-se de um senso de presença mais profundo. Muitas vezes, através dessas práticas, conseguimos acessar várias partes nossas jamais acessadas antes e isso acaba sendo um trampolim para nosso processo de autoconhecimento.

         O barulho e a agitação nos afastam de nós mesmos. É importante nos presentear, diariamente, com momentos de silêncio, de meditação, para relaxar e acalmar a mente, para assim, lidar melhor com o barulho que existe dentro de cada um de nós.

         Ao invés de ligar o rádio assim que entra no carro, deixe-o desligado; deixe a televisão desligada por um determinado período do dia; em seu momento de exercícios físicos, se afaste dos fones de ouvido; ao deitar para dormir se desconecte de tudo e sinta a paz daquele momento. Todos esses exercícios é uma oportunidade única para você se conectar com o seu silêncio interior e sentir como você reage a ele.

         Procure o seu silêncio, desligue-se do exterior, apenas se ouça e se descubra através dele. É transformador!

Como meditar: 6 passos para aprender a meditar sozinho

Atualmente muitas pessoas vivem uma rotina estressante, seja de trabalho, estudos ou família, são muitas tarefas para pouco tempo. Essas responsabilidades vão gerando uma carga muito estressante, cansativa e geralmente por falta de tempo, as pessoas acabam sendo negligentes com sua saúde mental e autocuidado. Não é para menos que

Leia Mais »

Autorresponsabilidade – assumindo as rédeas da sua vida.

Uma palavra que vem sendo bastante ouvida e usada nos últimos tempos…Temos o costume de colocar nas mãos do outro a responsabilidade das nossas alegrias e dos nossos sofrimentos. Você já parou para pensar nisso?Desde cedo, por medo das consequências, criamos o péssimo hábito de transferir a culpa para os

Leia Mais »

Qual a diferença entre mindfulness e Meditação?

A meditação nos últimos anos vem se fazendo presente na vida das pessoas e ela nada mais é do que aprender e entender a mente para acalmá-la e acabar com o sofrimento humano. Existem mais de 500 tipos de meditações, elas variam de acordo com a cultura e tradições espirituais

Leia Mais »

Mindfulness nas escolas

Quando a Academia Taos perdeu três de seus estudantes para o suicídio, dois anos atrás, a professora Anne-Marie Emanuelli começou a procurar maneiras de lidar com sua tristeza esmagadora. “De profunda tristeza e desespero, procurava algo para ajudar a mim e aos meus alunos. Eu estava praticando meditação pessoalmente e

Leia Mais »

O poder da presença

Há um certo tempo, nossa sociedade está passando por processos emocionais um tanto quanto desafiadores. Com isso, muitos de nós, estamos encontrando dificuldade em estar e se manter no momento presente. Não conseguimos estar presentes em uma conversa informal com um amigo, não estamos presentes no caminho que fazemos até

Leia Mais »

Conheça 5 mitos e verdades sobre meditação !

Sem dúvida alguma nossa geração vive uma vida agitada, de muito trabalho, muitas tarefas, muitas responsabilidades e muitas cobranças. Todos esses fatores vão se acumulando e gerando cargas negativas, um peso e muito estresse sobre nossa mente e corpo. Para aliviar o estresse e ansiedade entra a meditação, essa prática

Leia Mais »
Shopping Basket