União Masculino e feminino

Tanto o homem como a mulher, carregam dentro de si uma porção masculina e feminina positiva assim como uma porção feminina e masculina negativa. Outra maneira de enxergar o despertar da consciência é através da integração dos opostos dentro de nós. Ou unir intuição e razão, que são expressões do feminino e do masculino dentro de nós.

Podemos dizer que a consciência cresce a medida que surge a união do feminino e do masculino dentro de nós. E até que essas correntes de energia se encontrem dentro de nós, nós vamos buscar um complemento fora de nós e as combinações possíveis do masculino e feminino positivo e negativo dentro de nós, são indefinidas, independentemente do gênero do corpo. Nosso trabalho é purificar o masculino e feminino interno. Quando falo de purificar, significa curar as feridas da alma que envenenam, contaminam o masculino e feminino e faz com que se manifestem de forma distorcida ou agindo através do medo e do ódio.

Numa determinada fase da jornada existe uma preponderância desses princípios agindo através de você. Às vezes, o que está se manifestando mais efetivamente é o masculino ou o feminino e isso pode se alternar. O masculino em você busca pelo feminino e vice-versa. A incompreensão a respeito desse tema tem gerado muita dor nesse mundo. Tanto é que uma das metas globais é a igualdade entre os gêneros, porque a desigualdade que ainda existe com muita força nesse mundo tem sido fonte de muito preconceito, discriminação e miséria. E tudo isso por conta de crenças a respeito do que é certo ou do que é errado; por conta de identificações com elementos da história que contamos para nós mesmos. Contamos que é errado uma pessoa se relacionar com uma pessoa do mesmo sexo; contamos para nós que isso é um erro; assim como contamos para nós que o homem é superior à mulher. Essa história vem sendo contada há milênios ao nível coletivo. Faz-se necessário compreender um pouco melhor estas questões.

Com relação à sexualidade, eu vejo que alguns se angustiam com essa questão: é errado se relacionar com pessoa do mesmo sexo? Isso vai atrapalhar o meu trabalho de autodesenvolvimento?

O que atrapalha o seu processo é a mentira, a negação. É você fugir de você. Se você tem atração pelo sexo oposto e foge disso para se relacionar com alguém do mesmo sexo, aí você está criando um problema para você; você está criando um obstáculo para a sua evolução. Se você tem uma atração por uma pessoa do mesmo sexo e você foge disso através de se esforçar em sentir atração por uma pessoa do sexo oposto, você vai criar problemas para você porque você está negando um impulso por conta de uma crença para poder ser aceito, para agradar e assim sucessivamente.

Qual a sua real necessidade nesse momento da sua jornada? Sinto que este ponto é realmente muito importante porque se não for devidamente compreendido você vai ser vítima de muito autojulgamento, autocrítica, culpa e muitos outros sentimentos negativos e vai contribuir para a discriminação, a separação em relação aos outros que estão ao seu redor. Por que você ainda está vítima de uma identificação está preso numa crença do que é certo e do que é errado. A verdade é que não tem o que é certo ou errado ou até tem, mas num nível que está muito além da mente. O que é certo é você seguir o seu coração. Podemos dizer que errado é você ser conduzido pela mentira, pelos impulsos inconscientes que te levam para a destruição, mas mesmo ainda isso é relativo porque às vezes um erro é necessário para te levar para o lugar certo. E se você entrou no emaranhado da mente, aí vai passar um tempo com dificuldades. Por isso praticamos mindfulness e ir a este lugar que está além da mente. Só na mente que tem essas divisões, separações. A mente está carregada desses rótulos todos e todas essas classificações; todas essas complexas histórias. O coração é muito simples. Sente que quer ficar aqui e fica, ou vai. É espontâneo e essa espontaneidade sempre se manifesta com sabedoria e compaixão.

O convite é para você começar a fase zero, que é onde você pode resgatar a inocência da criança; resgatar a espontaneidade, mas mantendo o discernimento do adulto. Nesse lugar não tem espaço para o julgamento; não tem espaço para comparação, para crítica.

A verdade é que não tem um livro ou curso que sirva para todos. Alguns acreditam que: “O meu livro é sagrado e é o único que tem a verdade para todos”, “Eu tenho a verdade”… Esse é o início da guerra: você acha que a sua verdade é melhor que a do outro.

Não é possível ter paz se existe essa crença. Para que haja paz se faz necessário ter respeito pelas diferenças. Essas diferenças são passagens; pontos de parada na jornada. Não é possível globalizar pontos de vista; não é possível globalizar seu sistema de crenças.

Cada um está no seu sonho, sua história e esses mundos se chocando uns com os outros o tempo todo. Como ter paz se você não respeita as diferenças?

Por mais que existam mundos parecidos, cada um tem sua particularidade. São sete bilhões de mundos; cada qual com suas histórias, seus dramas, seus sonhos, seus pontos de vista; suas idiossincrasias. Pois é, bem vindos a essa escola que é a encarnação humana nesse planeta: escola de relacionamento.

A Busca pela Felicidade

Vivemos nossa vida numa busca incansável pela felicidade. Já pararam para pensar que essa busca é o combustível que move a humanidade? É ela que nos força a estudar, trabalhar, ter fé, construir casas, realizar coisas, juntar dinheiro, gastar dinheiro, fazer amigos, brigar, casar, separar, ter filhos e depois protegê-los.

Leia Mais »

Mindfulness nas escolas

Quando a Academia Taos perdeu três de seus estudantes para o suicídio, dois anos atrás, a professora Anne-Marie Emanuelli começou a procurar maneiras de lidar com sua tristeza esmagadora. “De profunda tristeza e desespero, procurava algo para ajudar a mim e aos meus alunos. Eu estava praticando meditação pessoalmente e

Leia Mais »

Mindfulness corporativo: Porque e como aplicar dentro das empresas?

Mindfulness e meditação fizeram incursões profundas no mundo corporativo. Os benefícios são comprovados, observa este artigo de opinião de Christian Greiser e Jan-Philipp Martini, do Boston Consulting Group. Greiser é um sócio sênior, diretor administrativo e líder global da prática de operações da empresa que trabalha com líderes seniores em

Leia Mais »

Qual a diferença entre mindfulness e Meditação?

A meditação nos últimos anos vem se fazendo presente na vida das pessoas e ela nada mais é do que aprender e entender a mente para acalmá-la e acabar com o sofrimento humano. Existem mais de 500 tipos de meditações, elas variam de acordo com a cultura e tradições espirituais

Leia Mais »

Meditação no tratamento da ansiedade! Funciona?

Pode-se dizer que a meditação nos ensina a trabalhar a mente de forma que ela fique relaxada e tenhamos controle dos nossos pensamentos para assim, observá-los com mais clareza. Quando aprendemos a nos concentrar com sabedoria, passamos a nos organizar melhor, observar melhor e relaxar. Com essa elevação da mente

Leia Mais »

Autocompaixão

Você pratica a autocompaixão?          Vida corrida, acúmulo de tarefas, cobranças… Tantas obrigações diárias nos levam a prejulgamentos e análises rigorosas sobre nós mesmos e os outros. Boa parte delas bastante cruéis e injustas. Falar sobre autocompaixão e, consequentemente, sobre autoconhecimento, pode ser uma fonte geradora de empatia entre nós,

Leia Mais »
Shopping Basket