Crie o Hábito de Meditar e Transforme sua Vida!

Benefícios da Meditação na Depressão e ansiedade – Guia fácil

Conhecer os benefícios da meditação para depressão e ansiedade não se trata apenas de entender como a sua rotina pode ficar mais fácil, mas sim trazer uma luz para esses dois problemas comuns na sociedade.

Justamente por isso, o objetivo aqui é garantir as respostas que você estava procurando sobre o tema, desde os sinais desses distúrbios, como identificar e até como mudar a sua vida.

Confira tudo agora!

Depressão e ansiedade – Sinais que você talvez não tenha notado

benefícios da meditação na depressão e ansiedade

Primeiramente, vamos aos conceitos mais simples sobre estes dois distúrbios, que são caracterizados como transtornos mentais:

  • Depressão: doença onde acontece a alteração de humor marcada pela tristeza profunda, dor, baixa autoestima e outros;
  • Ansiedade: transtorno caracterizado pela preocupação intensa e excessiva, que ocorre de forma persistente.

Vale destacar que, em ambos os casos, o paciente pode ficar paralisado diante de algumas situações, causando outras doenças e problemas.

Inclusive, os casos aumentaram drasticamente desde o início da pandemia do Covid-19. Chegando a 53 milhões de casos novos.

Além disso, tanto a tristeza quanto a preocupação são naturais, em pequena escala e de forma pontual.

E quais são os sinais que talvez você não conheça?

Bom, a depressão é marcada pela tristeza, mas também causa:

  • Quietude;
  • Redução na vontade de coisas gerais;
  • Redução na socialização;
  • Cansaço físico e mental;
  • Sentimento de tentar esconder a tristeza, etc.

Já a ansiedade, além da preocupação, possui sinais mais silenciosos, como:

  • Compulsão alimentar, que costuma causar enjoos e dores de estômago;
  • Problemas no trabalho ou escola;
  • Dificuldade para manter o foco;
  • Sensações que lembram infartos, como: dor no peito e formigamentos;
  • Perda da memória de longo prazo;
  • Pesadelos, etc.

Descubra a relação entre esses transtornos

É interessante pensar que tanto a depressão quanto a ansiedade podem começar aos poucos, de forma lente e por isso acontece o diagnóstico tardio.

Além disso, mesmo que sejam completamente diferentes, não é incomum que sejam confundidos ou mesmo que os sinais pareçam confusos.

A psicóloga Fernanda Queiroz trouxe dados absurdos sobre essa relação.

Afinal, a estimativa é que pelo menos 24% dos casos de ansiedade evoluam para um quadro depressivo. Entretanto, a expectativa médica pode chegar a 50% dos casos.

Em outras palavras, elas podem ocorrer em conjunto ou surgir uma que facilita o desenvolvimento da outra condição.

Por exemplo, imagine uma pessoa que sintomas depressivos, mesmo que leves e começa a ficar cada vez mais triste e isolado.

Aos poucos, desenvolve uma preocupação em relação ao que os outros pensam, fazem, em como incomoda, etc. Em síntese, pode ocasionar um quadro de ansiedade.

Benefícios da meditação na depressão e ansiedade

Agora que você está familiarizado com o tema, é hora de entender como a meditação pode te ajudar com tudo isso.

Só a Universidade de Hopkins, EUA, realizou mais de 45 pesquisas que apontam os benefícios da meditação na ansiedade, saúde mental e dores crônicas.

Mas como isso ocorre?

Uma explicação simples foi dada pelo brasileiro Marcos Rojo, mestre do Departamento de Neurologia da FMUSP.

De acordo com Marcos, o ato de meditar faz com que você se coloque no centro do presente, do agora.

Logo, reduz as preocupações sobre o futuro, que costumar gerar preocupações, causando ansiedade, bem como pensamentos de medo e tristeza.

Mas não é só isso, a meditação também reduz a desatenção.

Como o mundo atual é muito rápido e digital, é comum não prestar atenção em tudo o que está à sua volta.

Assim, o médico Marcelo Demarzo afirma que não estamos atentos em pelo menos 47% do tempo de cada dia.

Basta pensar no tempo que você está olhando uma rede social no seu celular e a quantidade de informações que foi capaz de reter no seu cérebro.

A partir disso, separei aqui alguns dos principais benefícios da meditação na depressão e ansiedade, confira:

Oferece uma parada das coisas, do mundo e das pessoas

Para começar, um dos principais benefícios da meditação é que você será capaz de pensar no aqui e no agora. Algo que não é tão comum nos dias atuais.

Na prática, mesmo começando a praticar por poucos minutos no dia, é possível melhorar a atenção aos detalhes, ao ambiente e as pessoas que te cercam.

Assim, você reduz os sintomas ansiosos relacionados ao futuro, bem como os sintomas depressivos voltados ao passado.

Essa parada ainda promove um efeito profundo no cérebro, aumentando os níveis de endorfinas, que causam felicidade.

Melhora o sono, a qualidade da rotina e mais

Ao mesmo tempo que aumenta a endorfina, uma pesquisa realizada na Califórnia por Davis Center of Mind and Brain mostram que também ocorre uma redução na adrenalina e cortisol.

Esses dois hormônios são responsáveis por sintomas ligados a déficit e atenção, falta de foco e concentração, hiperatividade, estresse e mais.

Ou seja, reduz aqueles sintomas que causam tristeza e ansiedade.

Mas, ao contrário do que pode imaginar, esses efeitos duram a longo prazo, não apenas enquanto medita.

Um estudo com 15 pessoas que praticaram 20 minutos de meditação mostrou que, após as sessões, os benefícios continuavam.

Não à toa, você consegue dormir melhor.

Consequentemente, ao ter uma qualidade melhor de sono, você se sente pronto para o dia, reduz estresse e melhora a qualidade de tudo o que fizer.

Benefícios da meditação na depressão e ansiedade: a transformação de todo o seu corpo

Entre os benefícios da meditação na depressão e ansiedade estão as transformações internas, que alteram a sua mente.

Funciona assim, os estudos mostram que a prática de meditar melhora o funcionamento do sistema cardíaco, reduz quadros de diabetes e hipertensão, reduz o acúmulo de gorduras, facilita a prática física e até o emagrecimento.

Isso ocorre porque você passa a se sentir melhor, dormir bem e tem mais energia.

Dessa forma, é natural experimentar a sensação de realização pessoal, de conquista de metas, calmaria e de bem-estar.

Incrível, não é?

Então, não perca mais tempo e confira agora mesmo a nossa página e descubra mais sobre os cursos presenciais ou online e as imersões para uma vida mais consciente.